SEINP cadastra estaleiros artesanais

Estaleiro Artesanal em CamamuA Secretaria Estadual da Indústria Naval e Portuária – SEINP – vem acompanhando e cadastrando, estaleiros artesanais existentes na costa da Bahia.  Este cadastramento está inserido no esforço da SEINP na busca pela valorização da história naval e pelo estabelecimento de possíveis parcerias que venham revitalizar a Indústria Artesanal Naval.

 Dessa forma, os colaboradores técnicos da SEINP, cadastraram no município de Camamu 25 estaleiros artesanais. Com a visão de fomentar a Indústria Artesanal Naval da região do Baixo Sul, o Secretário da Indústria Naval e Portuária do Estado da Bahia, Carlos Costa, se reuniu com a Superintendência do Ibama, onde apresentou os Estaleiros Artesanais, e solicitou que fossem doadas madeiras apreendidas, obedecendo a legislação vigente do Ibama, para  a fabricação dos mais diversos tipos de embarcações artesanais, como catraias, canoas, veleiros, lanchas e escunas de 14 até 17 metros, com o objetivo de revitalizar o Projeto dos Estaleiros.

 Buscando esses benefícios, a Prefeitura de Camamu coordenou com sucesso regularização da Cooperativa de Fabricantes Artesanais de Embarcações e Similares de Cajaíba do Sul – COOFAEC e entregou ao Secretário da Indústria Naval e Portuária da Bahia, Carlos Costa, todas as certidões exigidas pelo Ibama para o cumprimento de doação das madeiras apreendidas, isso quer dizer que muito em breve teremos matéria prima para incrementar a produção de barcos no Baixo Sul do nosso Estado.  Essa é uma conquista que revitaliza a indústria artesanal naval cumprindo assim os propósitos do Governo do Estado da Bahia que é gerar emprego e renda.

Com Informações de Candra Almeida
Jornalista – SEINP

Comentários