Salinas da Margarida

salinasA história de Salinas da Margarida se faz intrigante a partir da origem do nome dado ao município. O nome tem sua história contada de várias formas, que se desmembram em lendas que são passadas até os dias de hoje de geração para geração. Umas delas é justamente de onde vem o nome Margarida que tem uma versão romântica, a qual fora cogitado a ideia de uma homenagem do Comendador Manoel de Souza Campos à sua esposa, que supostamente chamava-se Margarida. Porém esta história a qual seria uma homenagem a um membro da família do então citado Comendador Souza Campos não passa de uma lenda que é confirmada através dos dados históricos identificados através de biografias.

O Comendador Campos, Manoel de Souza Campos, fora nascido no estado de Sergipe em 25 de dezembro de 1838, e passou a residir na capital baiana a partir dos seus quatorze anos. Ao longo dos anos, empregou-se como caixeiro no escritório do negociante Vicente do Amaral e tempos depois montou seu próprio negócio e paulatinamente foi alcançando às culminâncias da vida comercial. Casou-se com D. Guilhermina Gomes Marelim, tendo o casal três filhos: Leonor de Campos Devoto, Manoel de Souza Campos Filho e Porcina Campos. Diante deste fica perceptível que a versão romântica dada ao nome do município é meramente fantasiosa não correspondendo a nenhuma homenagem do Comendador à esposa, ou mesmo à família, não tendo algum fundamento.

DADOS DO IBGE


Inconformado com o atraso de sua terra natal, Salinas da Margarida, o então distrito de Itaparica, o Sr. Manoel Dias de Albuquerque, conhecido como tenente Iozinho, trabalhou junto ao deputado, Padre Luís Palmeira, seu amigo desde Vitória da Conquista, e conseguiu aprovar o projeto de lei que emancipava Salinas, desmembrando-o de Itaparica, mesmo contra a vontade de alguns políticos locais da época. Em 27 de Julho de 1962, foi aprovado o projeto, sendo as eleições realizadas em outubro e o início do município com instalação da câmera de vereadores – poder legislativo – ocorreu em 7 de abril de 1963. Daí a discussão qual a data a ser comemorado o aniversário do município: quando foi “gerado” ou quando verdadeiramente ele “nasceu”?

Hino de Salinas da Margarida
Letra: Jairo Almeida de Cerqueira

Salinas da Margarida

Brilha o sol sobre o mar onde a natureza é querida
Em teus trilhos o sal, oh riqueza tão nobre e esquecida.

Salinas da Margarida

O ouro sal já não há, mais é pura e saudável a vida
A pesca sempre a ajudar melhorando a vida sofrida.

Salinas da Margarida

Itaparica a ti sufocar, mas com luta as amarras partidas
A liberdade ecoou pelos rios mares e Campinas.

Salinas da Margarida

O progresso expande este mar e a esperança no peito ensina
A ter fé e acreditar num futuro melhor pra Salinas.

Salinas da Margarida

LOCALIZAÇÃO:

229 km de Salvador.

Latitude: -12.8763261

Longitude: -38.75837279999996

COMO CHEGAR:

Via Terrestre e Marítima

Sair de Salvador e atravessar a Baía de Todos os Santos pelo sistema ferry-boat (71) 3254-1020 (45 min). A partir do Terminal de Bom Despacho, na Ilha de Itaparica, seguir 34 km pela BA-001 até o entroncamento e, depois, mais 18 km até Salinas da Margarida.

Empresa Rodoviária:

Cidade Sol (71) 3646.4206

ONDE FICAR:



PONTO ALTO POUSADA – Av. São Cristovão, nº199 – Centro – (75) 3659.1123

POUSADA BRILHO DO SOL – Rua Boa Vista, s/nº – Centro – S. Margarid – (75) 3659.1088

SALINAS PRAIA HOTEL – Avenida Comendador Campos, s/nº – Centro – Centro – Salinas M. – (75) 3659.1077/1083

POUSADA BALTHAZAR – Rua Beira Mar, s/nº – Salinas da Margarida – (75) 3659.1094

POUSADA COQUILLE – Loteamento Nossa Senhora do Carmo, nº 02 – Salinas da Margarida – (75) 3659-1066

POUSADA BEIJA-FLOR – Avenida Lourenço Marinho, 49 – Salinas da Margarida – +55 (0)75 36591602Whatsapp  +55 (0)75 88728200

CARACTERÍSTICAS

Área
65 km²
DDD
75
Feriados
02.07 | Independência da Bahia
12.10 | Nossa Senhora da Aparecida
02.11 | Finados
15.11 | Proclamação da República
Clima | Temperatura Média
Úmido | 25ºC

ARTESANATO

O artesanato característico da cidade é feito a partir de conchas de mariscos e escamas de peixes. São bonecas, pássaros, flores, acessórios e objetos de decoração, resultados de muita criatividade das mulheres da comunidade salinense. As peças de artesanato são vendidas em um quiosque localizado na Praça Luís Eduardo Magalhães, na Praia da Ponte.

GASTRONOMIA

Salinas da Margarida promove, anualmente, durante o mês de novembro, o Festival do Marisco. Durante os três dias do evento a cidade reúne chefes de cozinha, profissionais da culinária baiana e degustadores de petiscos para conhecer os segredos dos pratos de moquecas, frigideiras e fritadas. Além da culinária, o festival também oferece shows musicais com grandes nomes, como Chiclete com Banana, Armandinho e Jau, além de grupos de manifestações populares como capoeira, samba de roda e maculelê.

EspaçoGourmet

TELEFONES ÚTEIS

Empresa Brasileira de Correios e Telegráficos
Rua Lídio Penan n°1 – Centro
+ 55 75 3659 1021

Prefeitura
Rua Lídio Pena, n° 01 – Centro
+ 55 75 3659 1061/ 1062

Secretaria de Turismo
Rua Lídio Pena, s/n – Centro
+ 55 75 3659 1061 (ramal06)

COMO CHEGAR


Via Marítima e Terrestre:

Distância: 280km de Salvador

Sair de Salvador e atravessar a Baía de Todos os Santos pelo sistema ferry-boat [+55 713254 1020] – (55 min). A partir do Terminal de Bom Despacho, na Ilha de Itaparica,  pela BA-001, seguir por 49km passando a Ponte do Funil  e seguindo até o entroncamento para a estrada que dá acesso a localidade, daí e  23km até Salinas da Margarida.

De ônibus, pela empresa Cidade Sol [+55 71 3682 1791]. Para maiores informações sobre as condições das estradas acesse o site do DNIT.

LINKS

Prefeitura Municipal

Paroquia Nossa Senhora do Carmo

Igreja Assembleia de Deus

APLB em Salinas da Margarida

Comentários