Escolas públicas terão apoio para fornecer pescado na merenda

pesca

Para que os brasileiros adquiram hábitos alimentares saudáveis desde crianças e jovens e cresçam com saúde e disposição para os estudos, o ministro Eduardo Lopes, da Pesca e Aquicultura, e o presidente do Conselho Nacional do Serviço Nacional da Indústria (SESI/CN), Jair Meneguelli, celebraram, na manhã desta quarta-feira (14), na sede da Confederação Nacional do Comércio (CNC), em Brasília, um convênio que garantirá às escolas públicas capacitação na área alimentar, através do programa Cozinha Brasil.

Um dos objetivos do convênio é proporcionar refeições nutritivas e saborosas nas escolas, e com maior presença do pescado. Esta proteína animal, além de ser a mais consumida no mundo, é a mais recomendada pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

Abrangência

O convênio prevê que o Cozinha Brasil irá capacitar mais de três mil manipuladores de alimentos em escolas públicas, além de 140 nutricionistas e 40 gestores e colaboradores do Programa de Alimentação Escolar, até meados de 2015. Nesta fase serão desenvolvidas ações em sete unidades da federação: Amazonas, Bahia, Ceará, Pará, Santa Catarina, São Paulo e Distrito Federal. Também serão beneficiados, por iniciativa do SESI, os estados de Minas Gerais, Alagoas, Espírito Santo e Goiás. A previsão é de que, mais tarde, a iniciativa se estenda a todo o território nacional.

Fonte MPA

Comentários